top of page

Meses de abril e maio confirmam forte queda de consumo de gás natural em SC

Atualizado: 13 de jun. de 2023

O primeiro trimestre de 2023 já havia apresentado a tendência de diminuição no consumo e consolida um dos piores resultados históricos desde o início da operação do sistema de distribuição no Estado; principais segmentos afetados são o automotivo (GNV) e o industrial


Os primeiros cinco meses de consumo de gás natural em Santa Catarina confirmam o que o primeiro trimestre já demonstrava. A retirada de gás registra diminuição acima de 25% dos volumes se comparado com os anos de 2021 (-25,79%) e 2022 (-25,23%) e abaixo ainda (-1,39%) do ano de 2020, quando os efeitos da pandemia da Covid-19 com o lockdown foram mais acentuados nos meses de abril e maio.


Outro fator importante que consolida o movimento de queda de consumo é o fato de que os meses de abril e maio de 2023 realizaram volumes menores que em março do mesmo ano, consumindo -5,95% e -10,5%, respectivamente.


No ritmo industrial catarinense o uso de gás natural significou -21,45% na relação com 2022 e -23,41% com 2021, em destacado descompasso com o crescimento do PIB do país que se aproximou dos 2% no acumulado do ano - em Santa Catarina o crescimento acumulado dos últimos 12 meses (base março) alcançou os 5%.


Já no segmento automotivo, o Gás Natural Veicular (GNV) teve o consumo diminuído por frotas leves atingindo preocupantes -45,61% na relação com 2022 e -41,73% com 2021.

26 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Bình luận


bottom of page