top of page

Gás natural em SC: consumo tem importante queda no primeiro trimestre de 2023

Atualizado: 30 de abr. de 2023

O primeiro trimestre de 2023 registrou importante queda no consumo de gás natural no estado de Santa Catarina. Na relação com 2022 e 2021, foram consumidos -24,45% e -22,23% do combustível, respectivamente.


O destaque negativo no consumo foi o segmento de Gás Natural Veicular (GNV), que caiu 44,67% nos primeiros três meses de 2023. O produto, que havia retomado o crescimento do consumo em 2017, voltou a perder mercado para os combustíveis líquidos e dessa vez atinge seu pior patamar dos últimos 15 anos.


O setor industrial, principal consumidor com 86,25% do volume total registrado de janeiro a março deste ano, também teve queda de 20,66% em relação ao que havia sido retirado no mesmo períodode 2022.


Os segmentos de matéria prima, cogeração industrial e comercial somados caíram 28,21%. Apenas os setores comercial (+8,26%) e residencial (+13,21%) registraram aumento de volume, mercados que somam 1,23% do total consumido no Estado.


Na análise dos primeiros trimestres dos anos, o gráfico a seguir demonstra que a partir da retomada do crescimento do consumo de 2016 a 2020 e certa estabilização entre 2021 e 2022, o ano de 2023 marca o menor volume consumido pelo mercado catarinense desde 2011.


Resta saber as causas para a importante queda nos volumes consumidos. Um fato deixa pistas: a forte perda de competitividade do gás natural em tarifa registrada de 2019 a 2022 - o crescimento de preços do insumo majorou mais de 200% no período - na relação com os energéticos concorrentes (gasolina e etanol; óleo combustível; GLP; e biomassa, lenha e carvão).


Com muitas plantas em Santa Catarina e principal mercado de consumo de gás natural, o ramo cerâmico opera com capacidade ociosa no país, chegando a 45% de fornos parados desde o último trimestre do ano passado. No caso do GNV, os usuários têm colocado que com o atual patamar de preços o combustível deixou de ser viável, obrigando aos motoristas a optarem pelo consumo prevalente de gasolina em seus veículos leves.

120 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Comments


bottom of page